Política

Terrorista que Lula protegeu diz que petista é ‘capaz de tudo’ para voltar ao poder

O terrorista italiano Cesare Battisti mostrou que ninguém deve se envolver com bandidos, principalmente se estiver ocupando o cargo de presidenjte da República. Após receber no Brasil a proteção de asilo do então presidente Lula, afirmou que o petista “é capaz de tudo” para voltar à Presidência da República.

O criminoso destacou também o que chamou de “cinismo político” de Lula, o presidente que concedeu a ele asilo político na calada do dia 31 de dezembro de 2010, quando o mundo político vivia a expectativa da posse de Dilma Rousseff (PT) no dia seguinte. O ato de Lula permitiu ao assassino de quatro pessoas ficar fora do alcance da Justiça italiana por mais de dez anos no Brasil.

Battisti prestou declarações ao jornal Folha de S. Paulo por carta, enviada da prisão calabresa de Corigliano.

Ele somente foi preso após a vitória de Jair Bolsonaro nas eleições de 2018. O bandido fugiu do Brasil e foi localizado pela Polícia Federal na Bolívia, onde o governo esquerdista parecia também garantir-lhe “proteção”. Preso, foi em seguida entregue às autoridades italianas.

 A atrasada esquerda brasileira deu tratamento de “perseguido político” a um bandido comum – Foto: José Cruz/Agência Brasil.

Duas prisões perpétuas – Condenado duas vezes à prisão perpétua na Itália, após quatro assassinatos covardes, Cesar Battisti foi acolhido no Brasil como “perseguido” por políticos de esquerda como Lula.

O Supremo Tribunal Federal (STF) chegou a aprovar a extradição do bandido, mas Lula assinou decreto concedendo-lhe asilo e proteção.

O criminoso se revelou “incomodado” após o pedido de desculpas de Lula, em rede nacional na Itália, no ano passado, por tê-lo mantido no Brasil. O petista jamais se desculpou perante os brasileiros.

Lula e seu “cinismo político” – Ele disse que Lula é capaz de tudo para voltar à Presidência da República e destacou seu “cinismo político”.

“Todos sabemos que Lula é capaz de tudo para colocar de novo a faixa de presidente. O animal político que nunca se contradiz. Aconteceu também comigo de admirar seu cinismo político (no sentido vulgar do termo) e o extraordinário jogo de cintura”, escreveu Battisti, em carta.

O bandidão disse também que o “extremismo idiota que impede o bom senso” e a “guinada desonesta” da esquerda ajudaram a vitória de Bolsonaro na eleição presidencial de 2018.

“Se Lula e o PT não tivessem comido tudo, se não tivessem feito acordo com todo o lixo do centrão, o povo brasileiro não teria desistido para correr atrás de Bolsonaro.”

Diário do Poder

https://portals1.com.br/wp-content/uploads/2022/04/970X50.gif

Mais popular